Autorização de residência automática em Portugal: É uma boa ideia?

01/03/2023 12:00

(0) (0) (0) (0) Visualizações: 9805

O governo portugês anunciou que irá oferecer uma autorização automática de residência a imigrantes vindos da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) durante um ano, além de contar com a medidas que incentivam contratos de trabalho, o projeto tem como objetivo atrair mais mão de obra para setores como indústria, construção civil e saúde.

 

A notícia foi recebida com alegria por muitos, em especial para os 120 mil brasileiros que já vivem em Portugal e aguardavam a conclusão do visto de permanência no país, mas alguns acreditam que esse não é o momento ideal para ir para o país.

 

De acordo com o contador e consultor empresarial português, Joaquim Moreira, os salários dos cargos mais oferecidos a estrangeiros não são atrativos e o custo de vida não compensa a decisão nesse momento.

 

"Portugal está a aceitar cada vez mais imigrantes sem analisar a qualificação, o Brasil, por exemplo, também está com problemas de mão de obra qualificada. Conheço alguns brasileiros que estão voltando para o seu país, alegando que lá ganhavam mais e que o custo de vida aqui está muito alto, o que é uma realidade".

 

 

Sobre Joaquim Moreira

Joaquim Moreira é um contabilista português, fundador da Moreira Contabilidade, com sede em Castelo de Paiva, em Portugal

Fonte: Redação TN com assessoria

Fale Conosco

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.