acesso a redes sociais
  • RSS
  • twitter
tabela de conversão
  • tabela de conversão
Anunciante no Portal Naval
  • anunciar no site
Paraíba

Porto de Cabedelo aumenta movimentação em 90% no mês de novembro

02/12/2020 | 10h15
Porto de Cabedelo aumenta movimentação em 90% no mês de novembro
Divulgação Divulgação

O mês de novembro teve a maior movimentação de cargas de 2020 no Porto de Cabedelo. No total, segundo o balanço operacional apresentado nesta terça-feira (1º), 157.200 toneladas de produtos passaram pelo cais durante o mês. O resultado, além de ser o maior do ano, representa um crescimento de 90% em relação ao mês de outubro, quando a movimentação foi de 82.688 toneladas. .

Levando em consideração o acumulado de 2020, a movimentação de cargas já cresceu 12,67 %. Neste ano, 1.062.529 toneladas já foram operacionalizadas. O montante é quase 120 mil toneladas a mais do que o registrado nos onze meses de 2019, quando 943 mil toneladas foram movimentadas pela Companhia Docas da Paraíba (Docas-PB).

“Esse trabalho é fruto de uma gestão muito planejada, uma gestão focada em planejamento e o planejamento sempre traz resultados. O que temos buscado sempre é fazer o planejamento no início do ano, traçar cenários, antecipar problemas e possíveis mudanças de rotas. Temos uma gestão técnica e responsável. Essa base é que tem trazido resultado nas nossas ações”, destacou a diretora-presidente da Companhia Docas, Gilmara Temóteo.

Dos onze meses de 2020, dez tiveram saldo positivo em relação ao ano anterior. “Em maio, no auge da pandemia, mantivemos nosso funcionamento 24 horas e crescemos 32% em relação ao ano anterior”, detalha a presidente.

A carga mais movimentada no mês de novembro foi o coque de petróleo (ou petcoke), com 3 navios e quase 50 mil toneladas operacionalizadas. O mês ainda teve duas operações de combustível, uma de ilmenita, uma de trigo, uma de malte e uma de clinker. Esta última não era operacionalizada pelo Porto de Cabedelo desde 2013.

A carga de clinker chegou no Porto de Cabedelo por meio do navio graneleiro Orient Trail. Foram 28.650 toneladas do material. O clinker é uma espécie de cimento numa fase básica de fabrico. A partir dele, é fabricado o cimento Portland.

O navio que trouxe a carga foi fabricado em 2011 e saiu dos Estados Unidos para o Porto de Cabedelo. A última vez que a Companhia Docas da Paraíba havia feito a operação foi em fevereiro de 2013, quando foram importadas 26.504 mil toneladas.

“O diálogo com todos os órgãos anuentes e apoio do Governo do Estado é imprescindível para o crescimento da nossa gestão. O que esperamos é a continuidade desse trabalho, a continuidade desse resultado, trazendo muito mais desenvolvimento para o Porto de Cabedelo, para o município de Cabedelo e para o estado da Paraíba”, detalhou Gilmara Temóteo.

Fonte: Redação TN Petróleo/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar
separador menu