Espírito Santo

Nova fronteira capixaba de petróleo lança porto offshore

<P>Com investimentos estimados em US$ 60 bilhões e previsão de gerar 12,5 mil empregos diretos, vai ser lançada hoje pela manhã na praia de Itaóca, em Itapemirim (ES), a pedra fundamental do porto offshore e alfandegário de Itaporto. Segundo o presidente da Agência de Desenvolvimento Regional...

Folha da Manhã - Campos dos Goytacazes
05/09/2008 00:00
Visualizações: 20

Com investimentos estimados em US$ 60 bilhões e previsão de gerar 12,5 mil empregos diretos, vai ser lançada hoje pela manhã na praia de Itaóca, em Itapemirim (ES), a pedra fundamental do porto offshore e alfandegário de Itaporto. Segundo o presidente da Agência de Desenvolvimento Regional do Norte e Noroeste do Estado do Rio de Janeiro, Alberto Coutinho, o evento vai contar com a presença do governador capixaba Paulo Hartung, além de empresários e investidores do empreendimento.

Ele não revelou quem serão os principais investidores, mas deixou escapar que grande parte dos recursos deverá vir do Oriente Médio, mais precisamente dos Emirados Árabes Unidos, com quem o Brasil tem aumentado acordos comerciais. O porto também vai ser usado pela indústria petrolífera que está em franca expansão no Espírito Santo, disse Coutinho, frisando que as obras do porto deverão começar no início do próximo ano.

Ele contou também que a agência, apesar do nome, a é uma organização civil, reconhecida pelo governo federal, inclusive fiscalizada pelo Tribunal de Conta da União (TCU). Temos um estatuto eclético que nos permite captar recursos do Imposto de Renda. Trabalhamos com o governo federal e órgãos internacionais, disse Coutinho.

Sobre o porto, ele disse que a iniciativa nasceu a partir da intensa atividade de petróleo e gás no litoral capixaba e na descoberta de novos poços, incluindo a exploração na camada pré-sal. O novo porto vai desafogar o porto de Vitória e permitirá o escoamento de produtos como o café, mármores e granitos, veículos automotores, derivados de petróleo, frutas, carne bovina e peixes. O local é estratégico, no Sul do Espírito Santo, e vai funcionar com toda uma moderna logística, citou.

Mais Lidas De Hoje
Veja Também
Newsletter TN

Fale Conosco

Utilizamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que você concorda com a nossa política de privacidade, termos de uso e cookies.

10